Manifestações!

Hoje é um daqueles dias em que as manifestações de rua e/ou políticas se tornam muito inconvenientes. Logo cedo as pessoas não conseguiam pegar taxi por conta de ações fora no aceitável dos motoristas de taxi. Além disso continua a “ocupação da ALESP” pelos estudantes secundaristas, com apoio até de “famosos” (Chico César por ex.). Será que o Chico Buarque não vai aparecer? Ou será que ele vai apenas à cerimônia de descida da rampa da Dilma na semana que vem?

Todos tem direito de se manifestar. Até o ponto em que não prejudica o direito de outro e com um mínimo de coerência de atitude.

No caso dos taxistas, é claro que os que acreditam no discurso de que falta a soluções compartilhadas a fiscalização do Poder Público estão atrasados no pensamento ou são manipulados pelos “donos” do negócio: Prefeitura que ganha com as licenças, Sindicalistas, Donos de frotas, e assim vai. Na prática estão defendendo a “Reserva de Mercado”. Por outro lado discutir como a empresa que administra o serviço vai pagar impostos não interessa a eles nem à Sociedade.

Esta deveria ser a real discussão começando por “Por que pagar impostos e taxas de licenciamento se não oferecem nada em troca, nem aos profissionais e muito menos ao público?”

As pessoas preferem os aplicativos porque pagam menos ou porque é uma nova forma de se relacionar que pode, eventualmente, colocar em cheque a necessidade do “Poder Público” em algumas áreas?

Quanto aos estudantes…. Bem isto já é o exército do PT e do Lula na rua fazendo o que prometeram. Pena que começaram exatamente por um assunto que deveria ser tratado mais seriamente.

Mitos ou Falácias? Crônica de uma tragédia

Opiniões são dadas a cerca dos fatos ocorridos e, numa sociedade como a nossa, ávida de comentários e do que comentar a respeito de tudo e de todos, quando uma tragédia ocorre vira hit. Começam então a surgir as opiniões dos especialistas e, as vezes, me assusto com o que ouço.

Morreu, no acidente de avião, o candidato Campos. Tinha até então aproximadamente 10% das intensões de votos, metade do que o 2o. colocado, Aécio noviço como ele mas com um partido maior e mais estruturado. Claro que sofria da falta de conhecimento do eleitor, acostumado apenas com o que está na superfície mas a tarefa de chegar ao 2o. turno era difícil.

Sendo assim, como pode agora, depois de morto, ser praticamente perfeito, sem defeitos e com mil e uma qualidades? A mim parece absurdo este raciocínio, assim como a naturalidade com que os especialistas apontam Marina como candidata natural a substitui-lo e, além disso, com capacidade para reverter a eleição e derrubar a Dilma num 2o. turno (o Aécio ela vai derrotar no 1o., ganhando o 2o.lugar).

Ora se o candidato anterior era perfeito, porque não decolou? Se era pior opção eleitoral, porque não cedeu o lugar a Marina? Se Aécio é tão pouco competitivo porque é o candidato tucano?

Na minha opinião Marina não repetirá os 20 milhões de votos, não é opção para a maioria dos eleitores tucanos ou  não petistas e não se sustentará apenas com o messianismo característico. Aliás este messianismo (palavra diferente para esconder o seu radicalismo) é que a derrotará porque ninguém está disputando eleição para o Céu e, carisma por carisma, o Lula leva a melhor.

Felipão, nunca antes neste país….

Felipão, pagou por montar o time em cima do Neymar. Não viu isso acontecer nas mãos do Muricy? Teimoso e incompetente. Retranqueiro! Não soube convocar e aí ficou sem opção na hora que precisava variar o jogo. Não se ganha jogando com ponte aérea entre a defesa e o ataque. Tomou um vareio de tática do Lowe!!!!!!

David Luiz, este povo não precisa de futebol para ficar “feliz pelo menos uma vez”. Talvez você esteja muito longe e não saiba que por aqui as coisas mudaram. Mesmo tendo que suportar 12 anos do PT no governo federal e uma classe política mediocre.

Thiago Silva, para com essa de chorar e joga bola. É só isso que um futebolista precisa fazer. Mais nada!!!!!!!

Já chegamos aqui sem ter direito. No jogo contra a Colombia, o gol deles foi legítimo e o 2o. nosso saiu logo depois de uma falta que não houve.

É isso!!!!

Norma da ABNT

Hoje entra em vigor nova norma da ABNT que exige a participação de profissionais para reformas de qualquer tipo. É o tipo de norma que vai pegar primeiro em cidades como São Paulo onde a cobrança de responsabilidades é maior. As administradoras de condomínio certamente vão aderir para não correr riscos de serem responsabilizadas posteriormente.

É um assunto interessante porque de uma lado temos uma sociedade que não conhece nossas aptidões e portanto não sabe que precisa de nossos serviços. Por outro lado há um enorme contingente de profissionais que não sabem fazer o serviço e oferecer algo vantajoso aos clientes.

Seria o mundo ideal se todos contratassem nossos serviços e se, ao contratarem recebessem algo que valesse a pena. É uma oportunidade de se criar e consolidar um mercado muito interessante mas não sei se será aproveitado corretamente pela sociedade e pelos profissionais. Vale a torcida

Sobre o momento que passamos…

Tenho reparado que todos do meu círculo de amigos estamos em fase de transição e, por mais que tenhamos tentado nos preparar, este momento tem sido difícil, para uns mais e para outros menos. Em geral depende do projeto de vida anterior e dos anseios futuros para que esta dificuldade seja maior ou menor.

Parece que aqueles que optaram por uma vida empreendedora têm mais dificuldades em decidir parar de agir. Parar de trabalhar parece mais fácil na teoria do que na prática mas é viável. Parar de agir já é outra situação. A maioria “topa” parar com as atividades que até agora foram responsáveis pela vida profissional e por fazer patrimônio e base de segurança financeira mas não “aceita” muito bem escolher como razão de vida para a próxima fase algo que não seja de alguma forma um novo empreendimento, mesmo que não signifique renda financeira. Tem que ter o sabor do desafio, do contrário não serve!

Tem sido um agradável, embora as vezes sofrido, aprendizado conversar sobre este tema com minha esposa, meu irmão, os filhos e os amigos mais próximos.

Protestos? Muita incoerência!!!

Ouvi no rádio que o custo total do sistema de ônibus é de R$ 6.500.000.000,00 por ano. Seis bilhões e meio! E que para pagar este custo sem subsídio a tarifa seria maior do que R$ 4,00.

Portanto: R$ 6.500.000.000,00 / R$ 4,00 = 1.625.000.000 de viagens / ano, ou 135.417.000 viagens / mês ou 4.513.889 viagens / dia.

Considerando 2 viagens por dia para cada pessoa o sistema atende aproximadamente 2.956.945 pessoas por dia. Isto equivale a 20,73% da população da cidade que foi medida pelo IBGE em 10.886.518 habitantes. Se contarmos a população da grande São Paulo a porcentagem cai ainda mais.

As perguntas são: Porque temos que deixar mais do que 20% dos principais eixos de circulação para estes 20% e porque tanto barulho para atender 1/5 da população da cidade?

Ano Novo, Escola Nova, Fim de um Ciclo

O Ano de 2013 será diferente, especialmente para 2 caras de nossa família.

Um pasou no vestibular. Talvez passe em mais uma, afinal ainda falta um resultado. Valeu o esforço e um objetivo foi alcançado. Agora é traçar a estratégia para esta nova fase, corrigindo o que não foi feito da melhor maneira até agora. Boa Sorte!

Outro vai para o final do curso, 1 ano e meio depois do previsto mas com um resultado acadêmico bom e com o amadurecimento suficiente para tomar umas das decisãoes mais difíceis que é o caminho profissional depois da fauldade. Apesar de ter estudado o tempo todo visando o mundo acadêmico e de pesquisa, vai dar com as caras na iniciativa privada em busca de uma ambiente mais dinâmico e trabalho em equipe. Boa Sorte!

No mais estas 2 alterações nas vidas destes 2 caras, certamente vão mudar a vida dos demais, assim como foi a chegada da Clara no ano passado. É isso aí!

Raízes! Somos o que somos e somos de onde viemos.

Estou bastante chocado com a morte de um parente. Era um parente diferente porque fez muita coisa fora do padrão durante a vida. E o que mais me chocou, no sentido de pensar e refletir, foi a decisão da família de levá-lo de volta a sua terra natal.

Contribuiu para isso o fato de sua família estar distribuída por vários locais. Esta foi uma das heranças que ele deixou. Criou uma família aventureira, no bom sentido, como ele sempre foi. Uma família que independente de estarem ou não próximos fisicamente sempre estarão próximos nos seus corações.

É isso. Depois de sair para o mundo, viajar, construir uma parte de sua história em lugares distintos e absolutamente diferentes uns dos outros ele volta ao seio de sua família original, ao lugar onde nasceu e que por mais longe que tenha estado nunca se esqueceu e nunca o esqueceu. Não importa por onde tenha andado ou o que tenha feito, e fez muito. Sua terra é lá!

Que descance em paz e que os que ficaram tenham força!

Burro não!! Indolente, individualista e conveniente.

O povo brasileiro não é burro. É indolente porque não dá importância aos valores morais, é individualista porque se preocupa só com seus problemas e não está interessado em saber o que ocorre com os demais à sua volta e é conveniente porque “esquece” coisas quando interessa. A última eleição que o diga, e não é só por São Paulo não.

O julgamento do mensalão que “empolga muita gente” nas urnas virou piada. O chefão principal disse para esquecerem e “dar as resposta nas urnas” e, onde interessou, a resposta veio, não importando se era hora de dizer:

“Olha aqui, mesmo considerando que suas idéias podem ser melhores para mim, ladrão não pode tomar conta dos bens públicos”. É como deixar raposas tomarem conta do rebanho.

Em São Paulo há muito tempo é assim. Quem decide são os 40% que não são os 30% de um lado (contra o PT) ou do outro, os 30% contra o PSDB. Eu sou dos 30% contra o PT. Já fui “a favor” do PSBD mas com a postura dos últimos tempos não dá para ser a favor de nada. Pior no lado de lá que, mesmo com uma situação terrível, com condenações definitivas e incontestáveis, continuam a ser “a favor” e, neste caso, ser a favor é ser a favor da pouca vergonha.

Estão faltando políticos de gabarito em termos de liderança, com visão estratégica e espírito de estadista. Pior que isso está assim no mundo inteiro. No fundo, é a fotografia da sociedade em que nos transformamos. Imediatista, Individualista, Egoista e Amoral.

Só dá para esperar….

Há momentos em que o melhor é ficar quieto, esperar passar e torcer para que quando as coisas clarearem vejamos bons sinais. Pois é assim mesmo que estamos por ora.

O clima resolveu nos pregar uma peça. Esfriou muito mais do que deveria e muito mais precocemente. Conclusão: Pés carregados de pimenta e não temos pimenta para entregar. Pior é a agonia de ter que tratar com cuidado até que amadureçam para que não entre nehuma praga e faça com que percamos as pimentas (lindas por sinal) que estão lá.

No outro lado, um volume razoável de trabalho, que ocupa mais do que o tempo disponível, porém ainda insuficiente para tranquilizar o fluxo financeiro e com ritmo irregular por causa das indefinições dos clientes.

Como esperar não é ficar dormindo, vamos fazendo algo para melhorar. Assim estamos reformando o telhado da sala da chácara para poder demolir a laje e deixar os raios do sol penetrarem. Vai ficar muito bom e bem mais saudável.